sábado, 24 de junho de 2017

"Eu não quero protecção, impunidade, segurança ou domínio! Eu quero ser eu própria, sentir, vibrar e poder ter um êxtase, uma vez na vida. Quero o risco de ser quem sou. Quero acreditar que sou protegida pela luz, mas não para ser impune. Não para ser impune. Pelo contrário! Para poder viver tudo o que tiver para viver, todas as emoções, alegrias e tristezas, para finalmente ser uma pessoa inteira, completa, verdadeira. Uma pessoa que não se esconde."
Solnado

Sem comentários:

Enviar um comentário