domingo, 19 de março de 2017

Por vezes quando o cansaço invade, sucumbo e ele garante-me a melhor.
Coloco de lado momentaneamente tudo o que seja a teoria mais positivista, psicanalista, espiritual, filosófica e outras que tais para retorquir que isto funciona em modo selvajaria urbana, com a manada a correr de um lado para o outro, comendo do que pode e caça, procriando para belo prazer e descendência, e que todo este cansaço origina não mais do que o pó de uma passagem veloz e fugaz na eternidade que é a vida.
E portanto, após discorrer tal, penso que o melhor seja ir dormir.

Sem comentários:

Enviar um comentário