terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Dá-me um sorriso ao domingo.
Para à segunda eu me lembrar.
Bem sabes: eu te sigo.
E não é preciso andar.

Sem comentários:

Enviar um comentário